Nossso site agora esta em nova casa. Acesse agora www.bibliotecaevangelica.com

Pesquisar neste blog

quinta-feira, 6 de novembro de 2008

Conquistando a Atenção dos Ouvintes - 3 parte


Esta é a terceira parte dos conselhos de Spurgeon

11. Tenha pessoalmente interesse naquilo que se propõe a ensinar aos outros

O assunto que você apresentará deve pesar tanto sobre sua mente. Dedique todas as suas faculdades, no que elas tem de melhor, à entrega das almas quanto ao tema escolhido.

12. Surpreenda. Não diga o que todos esperam que você diga

Mantenha suas frases fora do sulco rotineiro. Frases mansas, expressões gastas pelo uso, e enfadonhas monotonias dominam os seus discursos, e se admiram de que o público fique tão sonolento; eu confesso que não me admiro.

A pausa ajuda muito a garantir a atenção. Num sufocante verão, se nada eliminar a sensação de sono, sejam muito breve, cantem mais vezes, convidem um ou dois irmãos para orarem.

Falar é como prata, mas o silêncio é como ouro quando os ouvintes estão desatentos.

13. Faça com que o povo perceba que você tem interesse naquilo que lhes estamos falando

Ninguém dorme enquanto espera ouvir algo que lhe convém. Nenhuma pessoa dorme enquanto ouve um testamento na qual espera uma grande herança.

O interesse próprio estimula atenção.

Pregue sobre temas práticos, atuais e de interesse pessoal, e garantirão que os ouçam fervorosamente.

14. Evite que pessoas fiquem caminhando pelo salão

Lideres procurando pessoas, retardatários que sempre chegam atrasados. Evite qualquer tipo de distração que leve as pessoas a não se concentrarem na mensagem.

15. Revista-se do Espirito Santo

Esta é uma regra de diamante. Venha revigorado do gabinete pastoral e da comunhão com Deus, para falar de todo o coração e de toda alma aos homens por Deus.

Dize-lhes, irmãos, aperfeiçoem-se na oratória, cultive todos os campos do conhecimento, façam que o seu sermão seja tudo o que deve ser intelectual e retoricamente (não deixe por menos esse serviço).

Mas ao mesmo tempo lembre-se que não é "por força nem por poder" que os homens são regenerados ou santificados, mas por "meu Espírito, diz o Senhor" .

veja também

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...